Porto Seguro
Porto Seguro
Compartilhar:

Porto Seguro, sendo o berço do Brasil, possui um diferencial espetacular com relação a todos os outros destinos brasileiros. Só aqui você poderá conhecer e vivenciar a legítima cultura indígena, os habitantes originais dessas terras, que está muito bem representada na Reserva Indígena Pataxó da Jaqueira, localizada a apenas 12 quilômetros do centro da cidade, a reserva preserva a história e os costumes dos índios Pataxó, e proporciona ao turista uma experiência única, daquelas que nos fazem rever valores e lembrar pelo resto da vida.

Os nossos visitantes têm, assim, a possibilidade de conhecer um pouco da vida de uma comunidade indígena, com a vantagem de não precisar embrenhar-se mata adentro enfrentando os perigos de uma aventura radical. Logo na recepção, índios recebem os turistas com o corpo pintado como manda a tradição, e enfeitados pelos tradicionais e coloridos cocares e demais adereços, atraindo os ávidos cliques das câmeras dos turistas entusiasmados. Antes do início do passeio, palestras interativas contam um pouco da história do povo Pataxó.

O valor arrecadado na venda dos ingressos e do artesanato, produzido pelos próprios índios, forma a renda das 30 famílias que lá habitam, oferecendo, assim, um belo exemplo de turismo sustentável. O turista se encanta com os colares de sementes coloridas, brincos tribais, pulseiras étnicas, tudo produzido com matérias-primas encontradas na região habitada pela tribo. A cerâmica também é outra arte dominada pelo povo Pataxó, e as peças comercializadas costumam agradar em cheio aos que procuram um presente diferenciado e com personalidade.

Durante o passeio é possível fazer uma leve caminhada por uma trilha de 1,5 km dentro da reserva, permitindo, assim, a observação de espécies raras de árvores nativas, como o pau-brasil, de animais ameaçados de extinção e até mesmo das armadilhas usadas pelos índios para a captura de pequenos animais. O contato constante com a natureza chama a atenção durante toda a visita, e é uma experiência que vai repercutir na memória por muito tempo.

Ao final do passeio, o visitante tem a oportunidade de experimentar a culinária indígena. O famoso ?peixe assado na folha da patioba?, cuja fama já ganhou as terras de além mar, é preparado com o mesmo ritual e ingredientes que as tribos indígenas usam no seu dia a dia. Impossível resistir à tentação de provar dessa iguaria, por isso, renda-se, deixe-se levar e saboreie com gosto!

No caminho de volta à sede do município, repare na paisagem à sua esquerda! Repouse seu olhar nas águas calmas do Atlântico e vai entender uma das razões para que Porto Seguro tenha abundância de turistas desde que Cabral aqui aportou suas naus! Mas não se apresse, cada coisa tem seu tempo. Não faltará oportunidade para que você confirme que aqui é um lugar Para Viver e Ser Feliz! Seja muito bem-vindo.